O Tribunal do Júri à luz do cenário midiático

os meios de comunicação de massa como mola propulsora do espetáculo punitivo

Autores

  • Vanessa Moreira Peres
  • Sérgio Blattes

Palavras-chave:

Tribunal do Júri, Mídia, Criminalidade

Resumo

Este ensaio busca analisar a influência que a mídia exerce diante do Conselho de Sentença no Tribunal do Júri. Nesse sentido, muitas vezes, a visão e a percepção dos fatos pela sociedade contemporânea dão asas para a construção do crime como espetáculo. Ademais, a oferta midiática de uma sequência de episódios sangrentos alimenta a opinião dos componentes do Júri. Assim, a análise efetuada conduziu a constatação da influência notória que a mídia exerce diante do Tribunal do Júri. Destarte, o presente trabalho, por meio de método de abordagem dedutivo, parte do  âmbito geral para o específico evidenciando o predomínio da disseminação na sociedade de uma ideologia criminal norteada pela vingança punitiva. A partir da pesquisa empreendida, restou caracterizado que os meios de comunicação exercem forte poder de persuasão sobre a sociedade, o qual geralmente, converge num discurso punitivo/vingativo. Desse modo, pode-se concluir que, para crimes de grande repercussão, o desaforamento não é um instituto eficaz para que se faça um julgamento norteado por juízes neutros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanessa Moreira Peres

Advogada. É natural de Rosário do Sul/RS. Graduada em Direito pelo Centro Universitário Franciscano (UNIFRA). Ex estagiária da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul na 2 ª DPE/SM - 2012/2014.

Sérgio Blattes

Foi Conselheiro Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do RGS, nas gestões 1997/2000; 2006/2009 e 2009/2012, sendo que no primeiro mandato presidiu a Comissão de Orçamento e Contas e nos segundo e terceiro mandatos presidiu a Comissão de Fiscalização do Exercício Profissional. Integrou o Conselho Universitário do Centro Universitário Franciscano de Santa Maria e lecionou Direito Processual Penal na Faculdade de Direito da mesma instituição de ensino. Cursou Ciências Criminais na Universidade de Ciências Econômicas de Buenos Aires nos anos 2012 a 2013. Presidiu o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social de Santa Maria no período de 1992 a 1996. Exerceu a vereança em Santa Maria por dois mandatos (1978 a 1988). Foi Diretor de Recursos Humanos do Banco do Estado do Rio Grande do Sul de 1983 a 1986. Tomou posse, em 15 de dezembro de 2014, como Desembargador do Tribunal de Justiça, na vaga destinada ao Quinto Constitucional da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção do Rio Grande do Sul.

Downloads

Publicado

2016-12-20

Como Citar

PERES, V. M.; BLATTES, S. O Tribunal do Júri à luz do cenário midiático: os meios de comunicação de massa como mola propulsora do espetáculo punitivo. Revista da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, n. 16, p. 185–210, 2016. Disponível em: https://revista.defensoria.rs.def.br/defensoria/article/view/196. Acesso em: 4 dez. 2022.

Edição

Seção

Convidados

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)