“Desigualdades dentro das desigualdades”

uma análise interdisciplinar de “O cortiço” de Aluísio Azevedo

Autores

  • Ângela Almeida RFB
  • Barbara Bedin Faculdade da Serra Gaúcha

Palavras-chave:

Direitos Humanos, Literatura, Discriminação Racial, Ações Afirmativas, Justiça Jurídica

Resumo

A reflexão parte do romance O cortiço, de Aluísio Azevedo, para analisar o tratamento que o direito, o Estado e a sociedade dispensam às minorias ou grupos oprimidos, nomeadamente, aos negros, mestiços e pobres. No romance, o branco é por excelência, não o que tem cor branca, mas o que pertence ou vai pertencer à classe dominante. Sobretudo o português. E ainda: o negro não é o de cor preta, mas todos os que pertencem às camadas sociais cujos membros são, no limite, tratados como escravos, ou seja, aqueles sobre os quais recai o trabalho produtivo. É a massa de trabalhadores do cortiço, feita de brancos, negros, mulatos, caboclos, cafuzos. Os portugueses que tendem à classe dominada, em vez de tenderem à camada dominante, se equiparam essencialmente ao negro. Um desdobramento jurídico dessa discussão, na sociedade contemporânea, pode ser visto no julgamento no STF da ADPF 186, contra o programa de cotas para afrodescendentes nas universidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ângela Almeida, RFB

Analista Tributário da Receita Federal do Brasil, Mestre em Direito pela Universidade de Caxias do Sul - RS, Aluna do Programa de Doutorado em Letras pela Associação Ampla Universidade de Caxias do Sul (UCS) e Centro Universitário Ritter dos Reis- RS (UniRitter).

Barbara Bedin, Faculdade da Serra Gaúcha

Advogada e Professora do Curso de Direito da Faculdade da Serra Gaúcha- RS, Mestre em Direito pela Universidade de Caxias do Sul-RS, Aluna do Programa de Doutorado em Letras pela Associação Ampla Universidade de Caxias do Sul (UCS) e Centro Universitário Ritter dos Reis-RS (UniRitter).

Downloads

Publicado

2014-08-25

Como Citar

ALMEIDA, Ângela; BEDIN, B. “Desigualdades dentro das desigualdades”: uma análise interdisciplinar de “O cortiço” de Aluísio Azevedo. Revista da Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, n. 9, p. 9–26, 2014. Disponível em: https://revista.defensoria.rs.def.br/defensoria/article/view/67. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Convidados